segunda-feira, 29 de março de 2010

Eu queria parar de escrever faz um tempo, mas escrever se transformou na minha liberdade e eu nunca tive tanta liberdade assim. Escrevo o que eu não posso dizer, o que eu prefiro guardar só pra mim.


Nesse fim de semana escondi meus filmes clichês e começei a ler minhas postagens e achei uma merda. Eu já fui mais feliz, mais amorosa e mais sonhadora. Na verdade, tudo parecia uma viagem ao mundo dos desistentes do amor. Eu não sou assim. Tudo bem que aconteceu coisas que me deixaram frágil e outros adjetivos que eu prefiro não falar aqui por educação, mas nada disso deveria ser desculpa pra me tornar descrente. Achei feio relatar meus piores momentos e aí me surgiu uma vontade insana de sair apagando meu passado. Eu fiz o blog pra escrever coisas que eu gostaria de lembrar por que minha memória não é tão boa pra gravar momentos, desses que a gente tem vontade de pendurar na parede, mas nenhum desses momentos que eu relatei vou querer levar pro resto da minha vida. Então, adeus vacilo.

4 comentários:

Jeeh disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Jeeh disse...

"Acho muito triste alguém querer se desfazer de algo que realmente deveria ser guardado"

Bruna Tembra disse...

Ok, é realmente triste apagar minhas postagens e é triste ver você usando uma frase de minha autoria pra me mostrar o quanto é triste apagar minhas postagens. Mas ninguém vive de passado. Acho que a partir de agora eu posso escrever coisas novas que não estejam ligadas a dor e tristeza e a certas pessoas que hoje, se estão comigo ou não, não fazem a minima diferença. Você entende?

Jeeh disse...

Sim, concerteza eu entendo...
me desculpe por isso, bem talvez eu também não faça a minima diferança..
Não estou falando que é triste você apagar as suas postagens é uma escolha sua, o blog é seu e você decide o que fazer com ele.. eu só não acho que apagando TUDO faça vc esqueçer de algo, na verdade fiquei surpresa quando entrei aqui.Voce pode não se orgulhar de algo e sair por ai apagando tudo, jogar fora coisas que já não prestam e segui criando uma nova historia, escrevendo coisas bonitas, mas nada é completamente belo e nada é tão triste também.Entende?Para nosso bem, todos nós nos afastamos durante um tempo...
Seguimos caminhos diferentes, vivenciamos novas histórias, conhecemos novos sorrisos, mundos... e de repente as pessoas se despedem.
Eu acho que você sempre teve historias bonitas para contar, mas você escolheu reprimi-las.

as pessoas não vão mudar e acredite, nem você...

mas você ainda pode guardar os momentos bons... se quiser.